O presidente executivo da Boeing, David Calhoun, disse nesta quarta-feira que a companhia pretende reduzir mais sua produção e o número de funcionários, e que o mercado de aviação não se recuperará dos problemas causados pela covid-19 antes de três anos.

Compartilhar