Cerca de seis mil pessoas foram detidas e duas mil armas foram apreendidas durante as blitze da Polícia Militar ocorridas nos três primeiros meses de 2018. As fiscalizações realizadas na capital e no interior do estado abordaram mais de 3,6 milhões de pessoas, cerca de 1,5 milhão de veículos e 36.563 coletivos.

Foto: Alberto Maraux/ DivulgaçãoMais de três milhões de pessoas foram abordadas durante a fiscalização da PM. (Foto: Alberto Maraux/ Divulgação SSP-BA)

 Em todo o estado, 2.245 automóveis e motocicletas roubadas ou furtadas foram recuperados e houve cerca de 5 mil ocorrências referentes a drogas apreendidas (maconha, cocaína e crack) . Em Salvador, 1.556 criminosos foram presos, 354 armas de fogo foram apreendidas e 668 veículos, recuperados.

“Nossas intervenções têm dado resultados positivos e ajudado a tirar criminosos de circulação”, avaliou o comandante de Operações da Polícia Militar, coronel Paulo Uzêda. Ele  pediu compreensão e apoio da população para as ações policiais que buscam identificar criminosos e, consequentemente, reduzir delitos. “Sabemos que, às vezes, as barreiras provocam congestionamentos no trânsito e atrasam um pouco a rotina, mas elas são necessárias e de extrema importância para melhoria da segurança no estado”, ressaltou.

Equipes de todas as unidades – tanto as especializadas, quanto as envolvidas no policiamento ordinário de cada região – atuam nas revistas.

Compartilhar