O Secretário Municipal de Saúde, Leonardo Prates, informou que Salvador vai adotar um modelo de blitz, com medição das temperaturas, para monitorar as pessoas que circulam pela cidade.

“A ideia é imitar o modelo de blitz da alcoolemia. A pessoa vai parar, nós iremos medir a temperatura, e caso você esteja com febre, você faz o teste pro coronavírus. Depois nós iremos liberar, para não congestionar o trânsito. Depois você receberá, em até 15 minutos, o resultado por SMS”, explicou.

Conforme explicou Prates, caso o teste seja positivo para Covid-19, será solicitado que a pessoa se isole enquanto seja feita a contraprova, já que, segundo consta, a sensibilidade dos testes rápidos não é de 100%. De acordo com o secretário, a ação garante que a a prefeitura consiga colocar em isolamento mais pessoas que estejam com coronavírus.

“A ideia é ter uma peneira. Nós estamos tentando diminuir a curva de contágio, ou seja, diminuir o número de pessoas doentes ao mesmo tempo, então fazendo essa peneira a ideia é diminuir a curva de contágio pra que a gente possa evoluir bem”, conta.

Governo começou a distribuir 500 mil testes rápidos que detectam anticorpos contra o novo coronavírus — Foto: Ministério da Saúde/ BBC

Governo começou a distribuir 500 mil testes rápidos que detectam anticorpos contra o novo coronavírus — Foto: Ministério da Saúde/ BBC

O secretário ainda disse que Salvador deve receber 100 mil testes rápidos do coronavírus nesse final de semana. Explicou que a partir de segunda-feira (6), os testes já estarão disponíveis para uso do sistema municipal de saúde.

“O prefeito determinou que nós começássemos os testes rápidos com os profissionais de UPAs e PAs porque esses profissionais são de urgência e emergência e estão sempre em contato com uma quantidade expressiva de pessoas. E se um desses profissionais tiver contaminado, contamina uma série de pessoas. Então a nossa ideia é começar com os profissionais de saúde das UPAs e PAs fazendo testes entre segunda e terça-feira, caso o fornecedor cumpra o que nos prometeu de entregar os testes rápidos neste final de semana”, revela.

O número de pacientes na Bahia infectados pelo Covid-19 já passa de 280, com cinco mortes, de acordo com o boletim da manhã desta sexta (3).

Compartilhar