O bairro de Itapuã lidera o número de assaltos em Salvador este ano. Nós últimos 9 meses, foram registrados 755 casos, segundo dados da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA). Segundo a polícia, Itapuã é considerado o bairro mais perigoso para se andar.

No total, no mesmo período, a capital baiana teve 12.740 assaltos a pedestres. Em fevereiro deste ano, um turista argentino morreu esfaqueado após um assalto na região.

Em entrevista a TV Bahia, os moradores comentaram sobre os crimes no bairro. “Um elemento já me abordou com revólver e me roubou uma quantia equivalente a quase R$ 500, foi em plena 6h da manhã”, relatou o comerciário Cláudio Souza.

“Está muito perigoso em Itapuã. Já teve pessoas que tomaram tiros, tomaram facadas. No meio da rua mesmo, perto da delegacia, é o que a gente mais vê de violência aqui em Itapuã”, disse o autônomo George Gonçalves.

“Não é bom facilitar de noite, porque a insegurança está em todo o lugar. É melhor se prevenir, andar olhando. O lugar mais perigoso é no Farol [de Itapuã], porque fica deserto, policiamento bem pouco”, contou o agente de limpeza urbana Domingos Bispo.

“O cuidado que eu tomo hoje em dia, é o horário de saída que a gente tem que estar sempre atento a olhares, a quem ta na rua, até quando a gente fecha o portão em casa. Tentar passar em lugares mais movimentados, evitar usar celular de manhã cedo na rua”, contou a técnica em enfermagem Noeli Santa Rita.

A Polícia Militar informou que faz rondas na região, com policiamento ostensivo e equipes personalizadas. A PM orienta, também, que vítimas de assalto registrem ocorrência em uma delegacia da Polícia Civil ou ligar para o Disque-Denúncia (71 3235-0000).

Compartilhar