A Bahia registrou, nas últimas horas, mais três mortes de pacientes infectados pelo novo coronavírus, segundo boletim divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) no início da noite desta sexta-feira (24). O número total de infectados é de 1.979.

Segundo informações da Sesab, o 65º óbito foi registrado nesta sexta. A paciente de uma idosa de 92 anos, que morava em um asilo em Salvador e tinha histórico de doença pulmonar obstrutiva crônica.

A 66ª morte, de acordo com o órgão, é de um idoso de 73 anos, residente no município de Itapetinga, com histórico de hipertensão e diabetes. Ele estava internado em um hospital filantrópico da localidade e morreu na quarta-feira (22).

Já o 67º óbito ocorreu também nesta sexta-feira. O paciente era um idoso de 71 anos, residente em Salvador, com histórico de câncer de pulmão e hipertensão. Ele estava internado em um hospital privado da capital baiana.

Ao comparar os boletins divulgados pela Sesab às 17h da quinta-feira (23) e o desta sexta, é possível perceber que houve cinco mortes e 134 casos confirmados no estado nas últimas 24 horas.

Das 67 mortes, 37 ocorreram em Salvador. As demais estão distribuídas entre os municípios de Adustina (1); Água Fria (1); Araci (1); Belmonte (1); Capim Grosso (1); Catu (1); Feira de Santana (1); Gongogi (2); Ilhéus (3); Ipiaú (1); Itabuna (2); Itagibá (1); Itapé (1); Itapetinga (2); Juazeiro (1); Lauro de Freitas (5), um dos óbitos era residente no Rio de Janeiro; Uruçuca (3); Utinga (1); Vitória da Conquista (1). Estes números contabilizam todos os registros de janeiro até as 17 horas desta sexta-feira (24).

Ao todo, 452 pessoas estão recuperadas e 230 encontram-se internadas, sendo 68 em Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Estes números contabilizam todos os registros de janeiro até as 17 horas desta sexta e representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais.

Os casos confirmados estão distribuídos em 111 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (61,55%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 1.000.000 habitantes são Ilhéus (825,49), Uruçuca (682,29), Barra do Rocha (525,03) e Itabuna (487,75).

Segundo a Sesab, no período de 27 de março a 24 de abril houve um aumento do número de casos confirmados laboratorialmente de Covid-19 na Bahia, com incremento de 1508,94% casos no período.

Ainda de acordo com a Sesab, este número contabiliza todos os registros de janeiro até as 17 horas desta sexta. São 111 municípios com casos confirmados da Covid-19. São eles: Abaíra (1), Acajutiba (1), Adustina (1), Água Fria (1), Aiquara (1), Alagoinhas (7), Almadina (1), Amélia Rodrigues (1), Araci (1), Aurelino Leal (1), Barra (2), Barra do Choça (1), Barra do Rocha (3), Barreiras (1), Barro Preto (1), Belmonte (2), Brumado (8), Buerarema (6), Cachoeira (1), Camacan (1), Camaçari (24 e 11 confirmados clínico epidemiológico), Campo Alegre de Lourdes (2), Campo Formoso (1), Canarana (2), Canavieiras (9), Candeias (5), Cansanção (1), Capim Grosso (1 e 1 confirmado clínico epidemiológico), Castro Alves (1), Catu (4), Coaraci (8), Conceição do Coité (2), Conceição do Jacuípe (1), Conde (1), Coração de Maria (1), Cravolândia (2), Cruz das Almas (1), Curaçá (6), Dias D’Ávila (4), Euclides da Cunha (1), Eunápolis (16), Feira de Santana (66), Floresta Azul (2), Gandu (1), Gongogi (4), Ibicaraí (2), Ibirataia (3), Ibotirama (1), Ilhéus (134), Ipiaú (16), Ipirá (4), Irecê (1 – local de infecção é investigado), Itabela (1), Itaberaba (1), Itabuna (104), Itagi (1), Itagibá (6), Itajuípe (8), Itamaraju (1), Itapé (1), Itapebi (5), Itapetinga (6), Itarantim (1), Itatim (1), Itororó (4), Ituberá (1), Jaguaquara (5), Jequié (25), Juazeiro (7), Lauro de Freitas (40), Licínio de Almeida (1), Luís Eduardo Magalhães (2), Maragogipe (5), Medeiros Neto (1), Mirante (1), Morpará (1), Mucugê (1), Nova Soure (1), Palmeiras (1), Paramirim (1), Paulo Afonso (2), Piripá (1), Pojuca (1), Porto Seguro (17), Prado (4), Ribeira do Pombal (1), Rio do Pires (2), Rio Real (1), Salvador (1065 e 153 confirmados clínico epidemiológico), Santa Cruz Cabrália (7), Santa Luzia (2), Santa Maria da Vitória (1), Santa Teresinha (1 e 1 confirmado clínico epidemiológico), Sátiro Dias (1), São Domingos (1), São Francisco do Conde (3), São José da Vitória (1), Serra do Ramalho (1), Serra Preta (1), Serrinha (4), Simões Filho (6), Taperoá (5), Teixeira de Freitas (8 e 1 confirmado clínico epidemiológico), Ubatã (5), Una (2), Uruçuca (14), Utinga (1), Valença (4), Valente (1), Vera Cruz (1) e Vitória da Conquista (23).

Ainda segundo o boletim da Sesab, cinco casos confirmados que anteriormente havia sido notificado nas cidades de Bom Jesus da Lapa, Guanambi, Cristópolis, Saubara e Saúde tinham como registro do provável local de infecção a cidade de Salvador.

Na quinta-feira (23), a cidade de Cruz das Almas aparecia com um caso notificado como registro do provável local de infecção a cidade de Salvador, mas nesta sexta a Sesab confirmou o caso como do próprio município.

O mesmo acontece com 16 casos de residentes de outros estados que foram notificados nas cidades de Salvador, Feira de Santana e Lauro de Freitas.

De acordo com o órgão de saúde, um caso confirmado que anteriormente havia sido notificado na cidade de Irecê está em investigação para saber o provável local de infecção. Esse caso segue sem local de infecção confirmado.

Por meio da busca ativa com hospitais do estado, a Sesab identificou que nesta sexta, 415 pacientes encontram-se internados, sendo que 230 são confirmados para Covid-19 (68 em UTI e 162 em enfermaria) e 185 casos estão como suspeitos e em monitoramento, aguardando resultado laboratorial.

Dos 1.979 casos confirmados, 452 já encontram-se recuperados e 1.460 casos encontram-se ativos. A Sesab também informou que o Lacen realizou no período de 1º de março a 15h desta sexta o total de 14.354 exames de vírus respiratórios. Cujos resultados já foram liberados. No momento há 1.596 exames em análise.

Perfil dos pacientes

De acordo com a Sesab, a faixa etária mais acometida foi a de 30 a 39 anos, representando 29,21% do total. Quanto ao sexo dos casos confirmados, o órgão informou que 59,07% são do sexo feminino.

Nesta sexta, a Sesab informou que o coeficiente de incidência por 1.000.000 habitantes foi maior na faixa etária de mais de 80 anos (382,05/ 1.000.000 habitantes), indicando que o risco de adoecer foi maior nesta faixa, seguida de 30 a 39 anos (251,95/ 1.000.000 habitantes).

Mortes nesta sexta-feira

Cinco pessoas infectadas pela Covid-19 tiveram mortes divulgadas nesta sexta-feira. Confira:

  • O 63º óbito ocorreu na última quinta-feira (23), em um hospital público de Salvador. A paciente era uma mulher de 63 anos, com histórico de doença respiratória crônica e doença renal crônica, residente de Catu, mas cuja contaminação ocorreu na capital, tendo em vista que desde março permanecia em Salvador.
  • A 64ª morte ocorreu na terça-feira (21), também em um hospital público da capital baiana. O exame para coronavírus foi realizado após o óbito e teve o resultado divulgado na última quinta-feira (23). A paciente era uma mulher de 34 anos, residente em Salvador.
  • O 65º óbito foi registrado nesta sexta. A paciente de uma idosa de 92 anos, que morava em um asilo em Salvador e tinha histórico de doença pulmonar obstrutiva crônica.
  • A 66ª morte, de acordo com o órgão, é de um idoso de 73 anos, residente no município de Itapetinga, com histórico de hipertensão e diabetes. Ele estava internado em um hospital filantrópico da localidade e morreu na quarta-feira (22).
  • Já o 67º óbito ocorreu também nesta sexta-feira. O paciente era um idoso de 71 anos, residente em Salvador, com histórico de câncer de pulmão e hipertensão. Ele estava internado em um hospital privado da capital baiana.
Compartilhar