A Bahia registrou, nas últimas horas, mais três mortes de pacientes infectados pelo novo coronavírus, segundo boletim divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) no início da noite desta quinta-feira (23). O número total de infectados é de 1.845.

Segundo informações da Sesab, o 60º óbito ocorreu na quarta-feira (22), em um hospital público de Salvador. A paciente era uma idosa de 83 anos, com histórico de demência avançada, AVC hemorrágico, hipertensão, insuficiência de comunicação, imobilidade, disfagia, tromboflebite crônica de veia cefálica e dupla incontinência.

O 61º óbito, de acordo com o órgão, também foi registrado na quarta, em um hospital público da capital. A paciente era uma idosa de 90 anos, com Doença de Alzheimer em fase avançada.

Já a 62ª morte aconteceu na última segunda-feira (20), em uma unidade de saúde do município de Uruçuca. O paciente era um homem de 35 anos, cardiopata.

Ao comparar os boletins divulgados pela Sesab às 17h da quarta-feira (22) e o desta quinta, é possível perceber que houve nove mortes e 200 casos confirmados no estado nas últimas 24 horas.

Das 62 mortes na Bahia, 34 ocorreram em Salvador. As outras 232 estão distribuídas entre Adustina (1); Água Fria (1), Araci (1); Belmonte (1); Capim Grosso (1); Feira de Santana (1); Gongogi (2); Ilhéus (3); Ipiaú (1); Itabuna (2); Itagibá (1); Itapé (1); Itapetinga (1); Juazeiro (1); Lauro de Freitas (5), um dos óbitos era residente no Rio de Janeiro; Uruçuca (3); Utinga (1); Vitória da Conquista (1).

Ao todo, 428 pessoas estão recuperadas e 231 encontram-se internadas, sendo 67 em Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Na quarta-feira (22), a Bahia tinha 291 pessoas internadas.

Estes números contabilizam todos os registros de janeiro até as 17 horas desta quinta e representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais.

Os casos confirmados estão distribuídos em 108 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (62,88%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 1.000.000 habitantes são Ilhéus (782,37), Uruçuca (682,29), Barra do Rocha (525,03), Itapebi (487,38) e Itabuna (464,30).

Compartilhar