A Bahia confirmou mais um caso de infecção com a variante delta da Covid-19. Desta vez, a paciente é uma mulher de 39 anos, que já está curada. Ela é moradora de Vitória da Conquista, cidade no sudoeste da Bahia, e teve diagnóstico foi confirmado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Em todo o estado baiano, amostras da variante delta foram detectadas pela primeira vez no mês de agosto, em Feira de Santana e Vereda. A paciente de Vitória da Conquista não teve nome divulgado.

De acordo com a SMS, há seis meses ela tinha tomado as duas doses da CoronaVac. Em agosto, mesmo período em que os outros casos foram descobertos, a mulher fez uma viagem ao estado do Espírito Santo, onde pode ter contraído a delta.

A SMS detalhou que a paciente apresentou sintomas 48 horas após ter voltado para Vitória da Conquista. Ela teve febre, tosse, congestão nasal e calafrios. A mulher permaneceu em isolamento e, cinco dias depois do início dos sintomas, refez o teste para detecção a Covid-19.

Ainda segundo a secretaria, a paciente já havia contraído o novo coronavírus em 2020, antes de se vacinar. Por isso, o teste dela foi submetido a um sequenciamento genético de amostra, onde foi identificada a variante delta.

Compartilhar