O apresentador americano Alex Trebek morreu neste domingo (8) aos 80 anos, informou a conta oficial de seu programa no Twitter.

Trebek apresentava o game show “Jeopardy!” e tornou-se uma das personalidades mais reconhecidas da televisão americana.

Nascido no Canadá, ele disse em um vídeo do YouTube de março de 2019 que havia sido diagnosticado com câncer de pâncreas no estágio 4, prometendo vencer a doença apesar das poucas chances.

Trebek disse aos fãs em agosto de 2019 que havia concluído a quimioterapia, mas revelou no mês seguinte que teve que reiniciar o tratamento.

Ele morreu “pacificamente” em casa, rodeado pela família e amigos, segundo o tuíte do programa.

Vinte anos depois de “Jeopardy!” ser exibido pela primeira vez em 1964, Trebek se tornou o apresentador do programa e o transformou em uma potência de audiência.

Membros do 'Blue Man Group' apresentam Alex Trebek, visto na 3ª tela, durante o 37º show Annual Daytime Emmy Awards em Las Vegas, Nevada, em junho de 2010   — Foto: Steve Marcus/Reuters/Arquivo

Membros do ‘Blue Man Group’ apresentam Alex Trebek, visto na 3ª tela, durante o 37º show Annual Daytime Emmy Awards em Las Vegas, Nevada, em junho de 2010 — Foto: Steve Marcus/Reuters/Arquivo

O programa, em que os competidores mostrem conhecimento sobre vários assuntos gerais, fornecendo suas respostas na forma de uma pergunta, tem atraído consistentemente mais de 20 milhões de espectadores por semana nos Estados Unidos e Canadá, se tornando o programa de perguntas mais assistido nesses países.

A audiência é ainda maior quando os competidores acumulam várias semanas de vitórias consecutivas.

“Esta é a crença que está no cerne da personalidade de Alex na TV: ‘Jeopardy!’ em si, não ele, é a estrela do show,” disse Ken Jennings, um ex-participante de “Jeopardy!” que detém o recorde da sequência de vitórias mais longa do programa, sobre Trebek em uma coluna de 2019 no New York Times.

“É difícil imaginar qualquer personalidade da TV atual evitando os holofotes habilmente como ele”, acrescentou Jennings.

Alex Trebek, apresentador do game show 'Jeopardy!' posa com seu prêmio Emmy no 33º Daytime Emmy Awards em Hollywood, na Califórnia, em abril de 2006 — Foto: Fred Prouser/Reuters/Arquivo

Alex Trebek, apresentador do game show ‘Jeopardy!’ posa com seu prêmio Emmy no 33º Daytime Emmy Awards em Hollywood, na Califórnia, em abril de 2006 — Foto: Fred Prouser/Reuters/Arquivo

Trebek era conhecido por envolver os competidores com brincadeiras sérias, mas espirituosas.

Jennings comparou Trebek, que apresentou mais de 7 mil episódios de “Jeopardy!”, com o apresentador Walter Cronkite e o apresentador de talk-show Johnny Carson, porque sua presença noturna na televisão havia se tornado uma “questão de ritual”.

Trebek ganhou seis prêmios Emmy de melhor apresentador de game show, o mais recente em 2019, e também um Emmy pelo conjunto de suas realizações em 2011. A revista Hollywood Reporter publicou em um artigo de 2014 que Trebek ganhava 10 milhões de dólares por ano.

Do Canadá para a Califórnia

Trebek nasceu na cidade de Sudbury, no Canadá, filho de pai imigrante ucraniano e mãe franco-canadense.

Ele se formou em filosofia na Universidade de Ottawa e começou sua carreira na TV enquanto ainda frequentava a escola.

O apresentador Alex Trebek posa para uma foto em sua casa, em Los Angeles, em 3 de agosto de 1988. Trebek, que apresentou o programa de perguntas e respostas “Jeopardy!” por mais de 30 anos morreu neste domingo (8) aos 80 anos    — Foto: Alan Greth/AP/Arquivo

O apresentador Alex Trebek posa para uma foto em sua casa, em Los Angeles, em 3 de agosto de 1988. Trebek, que apresentou o programa de perguntas e respostas “Jeopardy!” por mais de 30 anos morreu neste domingo (8) aos 80 anos — Foto: Alan Greth/AP/Arquivo

Depois de apresentar uma série de programas de televisão no Canadá durante a década de 1960, Trebek foi encorajado a se mudar para a Califórnia em 1973 pelo falecido ator Alan Thicke, também canadense, para apresentar um game show da NBC de curta duração chamado “The Wizard of Odds”.

Nos anos seguintes, Trebek apresentou alguns outros programas com nomes igualmente peculiares, como “High Rollers” e “Battlestars”.

Nenhum deles se tornou um sucesso duradouro, mas reforçou a reputação de Trebek em Hollywood e, eventualmente, pavimentou o caminho para seu ingresso no “Jeopardy!”

A personalidade da televisão Merv Griffin e sua esposa Julann tiveram a ideia de “Jeopardy!” nos anos 1960.

Foto de arquivo de maio de 1999 mostra o apresentador Alex Trebek durante a chegada de sua estrela na Calçada da Fama de Hollywood, em Los Angeles   — Foto: Nick Ut/AP/Arquivo

Foto de arquivo de maio de 1999 mostra o apresentador Alex Trebek durante a chegada de sua estrela na Calçada da Fama de Hollywood, em Los Angeles — Foto: Nick Ut/AP/Arquivo

Art Fleming, que morreu em 1995, havia sido o apresentador original do programa durante exibição inicial, entre 1964 a 1975, e em um revival de 1978-79.

Quando Griffin colocou “Jeopardy!” novamente no ar após um hiato de vários anos, os produtores escolheram Trebek para apresentá-lo e Trebek também ajudou a produzir o programa durante suas três primeiras temporadas.

Um dos programas que o ajudou a garantir a vaga foi um papel temporário em “Wheel of Fortune”, outro game show que Griffin havia criado, de acordo com uma entrevista que Trebek deu em 2007.

O bigode de Trebek era uma de suas marcas com os espectadores. Ele esteve presente no visual do apresentador desde o início de sua carreira até 2001, quando decidiu raspar. Em 2014 ele voltou às manchetes quando deixou o bigode crescer novamente.

Trebek deixa sua esposa, Jean, e seus dois filhos adultos, Emily e Matthew.

Compartilhar