Rodoviários da Concessionária Salvador Norte (CSN) encerarram a paralisação que iniciaram na segunda-feira, 10, e os ônibus voltaram a circular no início da manhã desta terça-feira, 11. Segundo o sindicato da categoria, o retorno acontece após um avanço no cumprimento do pagamento de acordo trabalhista.

Por volta das 4h30, os ônibus da empresa, que atendem mais de 60 linhas da Orla e as linhas da Estação Mussurunga, começaram a retornar às ruas da cidade.

A manifestação aconteceu contra o não cumprimento da assinatura da minuta do acordo e também pelo descumprimento dos direitos trabalhistas dos trabalhadores que seguem na ativa. Segundo a categoria, planos de saúde estão suspensos e existe uma incompatibilidade nos valores dos salários e dos tickets, além de descontos indevidos.

Imbróglio

Em junho de 2020, a prefeitura de Salvador decretou a intervenção da CSN, após ser informada pelo Sindicato dos Rodoviários de que a concessionária vinha descumprindo acordo coletivo assinado com a categoria, além de atrasar constantemente o adiantamento salarial e o tíquete alimentação.

Após nove meses de intervenção, o prefeito Bruno Reis rescindiu contrato com a empresa, após auditoria apontar irregularidades por parte da concessionária. Com a decisão, a prefeitura assume a operação até a seleção de outra empresa por licitação. Agora, os trabalhadores pressionam para ter seus direitos trabalhistas quitados.

Compartilhar