Foi prorrogado para o dia 30 de setembro o prazo para os moradores de Salvador efetuarem o recadastramento do cartão do Sistema Único de Saúde (SUS). Usuários relatam instabilidade no sistema da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) desde a noite de quinta-feira, 28.

“Uma noite e uma manhã perdidas. Estou fazendo meu recadastramento e dentre os vários erros que constavam no meu cadastro, que foi feito no posto de saúde, está que sou homem e o sistema não está me permitindo alterar”, contou a jornalista Liliam Cunha.

Ela explicou ainda que o site estava fora do ar desde a quinta-feira, 27. E que nesta sexta, 28, não conseguiu finalizar o procedimento de cadastro. Segundo o prefeito ACM Neto, o site para recadastramento no SUS está sendo reforçado. Ainda conforme ele, cerca de 700 mil pessoas efetuaram o recadastramento até agosto nos postos de saúde.

A medida, que começou em janeiro deste ano e que inicialmente valeria até esta segunda-feira, 31, segue determinação do Ministério da Saúde e é fundamental para que a capital baiana receba recursos da União na área.

O recadastramento continua também de modo presencial em uma das 152 unidades básicas de saúde da rede municipal. Para o procedimento, os moradores da capital baiana deverão informar o RG ou certidão de nascimento, CPF ou cartão SUS e o comprovante de residência em nome do usuário ou de algum parente de primeiro grau.

É possível também que uma pessoa da família realize o cadastro dos demais moradores, caso apresente toda documentação. Toda a população deve ser recadastrada, até mesmo as pessoas que possuem plano de saúde e aqueles usuários que não utilizam com frequência o sistema do SUS.

As pessoas que já possuem cadastro realizado pelo agente comunitário de saúde não precisam realizar o procedimento novamente.

Compartilhar