O prefeito de Salvador, ACM Neto, anunciou na manhã desta quinta-feira (13), que vai manter por mais uma semana as medidas restritivas mais severas para conter a propagação do coronavírus, no bairro do Nordeste de Amaralina, em Salvador.

O anúncio ocorreu durante coletiva de inauguração do Caminho da Fé, trecho da Cidade Baixa entre o Santuário de Dulce dos Pobres e a Igreja do Bonfim, que foi reformado pela prefeitura. Além disso, Neto disse que as ações serão retomadas no bairro de São Cristóvão. O bairro recebeu as medidas restritivas em julho deste ano.

“Nós vamos voltar a São Cristóvão porque o bairro registra 1.245 casos da Covid-19. Somente em agosto, nesses 13 dias, foram 255 casos no bairro. Nos últimos 7 dias, em apenas uma semana, são 168 casos no bairro. Não dá. Estamos com número muito alto, preocupante. Quando a gente olha os bairros que estão tendo o maior número de casos nos últimos 30 dias e nos últimos sete dias temos Pernambués, Nordeste, Santa Cruz e São Cristóvão. Pernambués, Nordeste e Santa Cruz, nós já estamos. No próximo sábado (15) haverá o fechamento das atividades em São Cristóvão”, explica.

Como o Nordeste também está na lista dos bairros com grande número de casos da Covid-19, o prefeito destacou a importância de que as medidas sejam mantidas no local.

“Hoje está vencendo o prazo da presença das ações no Nordeste. Estamos há cinco semanas no bairro do Nordeste, mas o número de casos não se reduz. Nós vamos prorrogar por mais uma semana e espero que seja a última semana”, disse ACM Neto.

Concurso

Além das medidas restritivas nos bairros de Salvador por causa da Covid-19, ACM Neto anunciou que vai homologar o concurso feito pelo município em 2019. Por causa da pandemia, houve permissão para os gestores de todo o Brasil, que quisessem suspender o concurso e não realizar a homologação.

Neto detalhou que, apesar da homologação, não tem data prevista para começar a chamar os candidatos.

“Hoje está no limite para homologação do concurso realizado pela prefeitura no ano passado. São 17 carreiras que nós fizemos concurso. Em condições normais seria homologado no primeiro semestre. o que não fizemos. Depois da aprovação da lei complementar 173 de 2020 estamos impedidos de fazer a convocação de concursados exceto se para repor posições, fruto do falecimento de servidor, ou aposentadoria. Estamos impedidos de fazer a convocação por causa das regras da lei que vale para o Brasil todo”, disse

O prefeito informou que vai publicar a homologação do concurso em uma edição extra do Diário Oficial desta quinta-feira.

“Em função da pandemia poderíamos até desconsiderar o concurso, só que a cidade precisa desses colaboradores, guarda municipal, agente de trânsito, saúde, educação, assistência social. Não poderemos convocar nesse primeiro momento, mas o concurso não será desperdiçado. Quem fez eu estou assegurando as pessoas serão chamadas assim que for possível para não haver descumprimento das regras da lei”, explicou.

Compartilhar