O prefeito ACM comandou no final da manhã de hoje (21) uma reunião de avaliação da primeira noite de Carnaval oficial em Salvador, ao lado de secretários e dirigentes de órgãos envolvidos com a organização da festa. Na ocasião, foram apresentados os números de balanço que demonstram o clima de tranquilidade da folia. A única exceção ficou por conta da agressão sofrida por um turista estrangeiro, no Circuito Dodô (Barra).

“Foi uma abertura de Carnaval com muita beleza, cor e conteúdo, com Carlinhos Brown comandando a festa após a entrega das chaves da cidade ao Rei Momo. Além disso, tivemos mais de 20 atrações para a pipoca na Barra e o samba tomando conta do Circuito Osmar (Campo Grande). O melhor é que estamos vendo o crescimento do Carnaval sem aumento da violência”, declarou o prefeito à imprensa.

ACM Neto foi questionado sobre o caso de agressão sofrido pelo turista israelense Shoam Zilbertein. Ele foi atendido ontem no módulo de saúde do Farol da Barra com traumatismo craniano e encaminhado para o Hospital Geral do Estado (HGE). O estado de saúde do turista permanece estável. Ele informou que foi abordado por uma mulher que lhe pediu cigarro e logo depois tentou furtar seus pertences. Reagiu e foi golpeado na cabeça por um coco.

“Estamos acompanhando de perto esse caso e entramos em contato com as autoridades diplomáticas. O turista está recebendo toda a assistência do poder público”, contou o prefeito, que também foi questionado sobre a estratégia de atuação da Polícia Militar no Carnaval deste ano de concentrar a maioria dos agentes em postos de observação, e não mais circulando entre os foliões.

“Esperamos que a estratégia dê certo. Se a gente perceber que não está dando, vamos conversar com as autoridades do governo do estado. O trabalho da polícia é fundamental”.

Compartilhar