Professora é morta a tiros durante assalto no Centro de Salvador

Uma professora de 37 anos foi morta a tiros durante um assalto no Centro de Salvador, na noite da quinta-feira (18). O crime aconteceu por volta das 23h30, na Rua do Paraíso, que liga o bairro da Mouraria à avenida Sete de Setembro. De acordo com informações da Polícia Civil, a vítima foi abordada por dois homens quando chegava de carro no local.

Ela ia visitar o namorado, que mora na rua onde o crime aconteceu. Testemunhas relataram para a polícia que a dupla tentou roubar o veículo da professora, um Chevrolet Agile. A mulher teria reagido, e um dos rapazes atirou nela. A dupla fugiu levando uma carteira da vítima.

RTEmagicC_RUADOPARAISO.jpg (1)

A docente, identificada como Anilene dos Santos Farias, foi atingida no rosto e na cabeça. O namorado dela, que é enfermeiro, foi informado do crime e ainda tentou reanimar a mulher. Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também esteve no local para prestar socorro, mas a vítima não resistiu aos ferimentos e morreu em via pública.

Anilene era professora da rede municipal de ensino de Salvador. A diretora do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB), Elza Mello, comentou a morte da docente em entrevista ao Correio24horas. “É lastimável. A gente só tem a lamentar essa forma absurda e brutal da morte da professora, e esperar que capturem os culpados. É preciso lutar por mais segurança na cidade”, disse.

O caso será investigado pela 1ª Delegacia Territorial (DT/Barris). Ainda conforme a Polícia Civil,o titular responsável pela investigação, o delegado Adailton Adam, fará uma coletiva sobre o caso às 11h desta sexta-feira (19), na sede do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

O corpo de Anilene foi encaminhado ao Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Salvador, onde deverá passar por perícia antes de ser liberado para os familiares.

Compartilhar