Bahia busca repetir boa atuação do 1º turno contra o Flamengo

Tricolor foi a última equipe a vencer o líder do Brasileirão, em agosto, na Fonte Nova; agora é no Maracanã

Contra nenhum outro adversário o Bahia foi tão arrasador neste Brasileirão. Diante do Flamengo, o tricolor fez a sua melhor exibição no campeonato e é justamente contra a equipe carioca que o time comandado por Roger Machado tentará reencontrar o bom futebol. Às 18h deste domingo (10), o Esquadrão visita o líder da Série A, no Maracanã, com o objetivo de acabar com um jejum.

Já são cinco jogos sem vencer e um triunfo pode reaproximar o Bahia do G6. O tricolor ocupa a 9ª colocação, com 43 pontos, a cinco do grupo que garante vaga na Libertadores de 2020.

A permanência na primeira metade da tabela, apesar de tantos tropeços, se deve inclusive à “gordura” criada a partir do confronto com Flamengo no 1º turno. Até o jogo do dia 4 de agosto, válido pela 13ª rodada, o Bahia figurava na 12ª posição, com apenas 16 pontos. O triunfo por 3×0, na Fonte Nova, fez o tricolor encerrar um jejum maior do que o atual.

A sequência de sete partidas sem vitórias foi encerrada por um centroavante inspirado. Gilberto anotou os três gols ainda no primeiro tempo e o time só administrou o resultado na etapa final. Foi a única vez neste campeonato que o atacante marcou tantas vezes em um jogo e que o clube venceu por três gols de diferença.

Agora líder, o Flamengo ocupava a terceira posição na tabela. O rubro-negro carioca estava atrás de Santos e Palmeiras, primeiro e segundo colocados na ocasião, respectivamente, e se manteve assim após a derrota para o Bahia, a única sob o comando do técnico Jorge Jesus e a última do time carioca na Série A.

A partir dali, a invencibilidade de 18 jogos no Brasileirão – e 22 ao todo – fez o rubro-negro não só assumir a ponta da tabela como chegar à final da Copa Libertadores. O time iniciou esta 32ª rodada com vantagem de oito pontos para o vice-líder Palmeiras, que visitará o Bahia no próximo domingo.

Há três meses, naqueles 3×0 diante do Flamengo, o tricolor não apenas encerrou uma sequência negativa como iniciou uma positiva de sete jogos invicto. E se vencer neste domingo, conseguirá quebrar o jejum atual e outro que já dura 25 anos. A última vez que a equipe baiana venceu a carioca no Maracanã foi em 30 de outubro de 1994, quando o atacante Zé Roberto garantiu o placar de 1×0.

Depois disso, o Bahia ainda venceu mais duas vezes no Rio de Janeiro: uma em São Januário por 1×0, em 1996, e outra no Engenhão por 3×1, em 2011.

Provável escalação

A tendência é que o Bahia entre em campo com mudanças, de acordo com o que Roger afirmou logo após a má atuação que resultou no empate contra a Chapecoense por 1×1, na Fonte Nova, quarta-feira. “O que preocupa é o nível do jogo, que caiu. Precisamos reencontrar, seja com mudança de esquema, de jogadores – que tenho feito para tentar pegar o melhor momento de cada atleta -, para que a gente nos sete jogos volte para o campeonato”.

Uma alteração será por necessidade. Com dores no pé após uma pancada levada no embate diante da Chapecoense, o meio-campista Marco Antônio foi vetado pelo departamento médido tricolor. A tendência, com isso, é que o lateral-direito João Pedro seja o substituto e atue como uma espécie de volante, com liberdade para chegar ao ataque.

No ataque, não será surpresa se Gilberto recuperar a posição perdida para Fernandão nas duas rodadas anteriores, contra Cruzeiro e Chape.

Já o Flamengo terá modificações nas laterais. Rafinha, suspenso, dá lugar a Rodinei no lado direito. Na esquerda, Filipe Luís retorna de lesão e ocupa  a vaga de Renê.

FICHA TÉCNICA:

Flamengo: Diego Alves, Rodinei, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luís; Willian Arão e Gerson; Éverton Ribeiro, Vitinho e Bruno Henrique; Gabriel. Técnico: Jorge Jesus

Bahia: Douglas, Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho e Moisés; Gregore, Flávio e João Pedro; Artur, Gilberto e Élber. Técnico: Roger Machado

Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro

Horário: 18h

Transmissão: Premiere

Compartilhar