Ônibus é incendiado em Pernambués e chega a 4 número de veículos atacados

Um quarto ônibus foi atacado na série de ações criminosss após a morte de um dos líderes do tráfico na região de Valéria, em Salvador. O micro-ônibus da empresa Axé foi cercado por criminosos e incendiado na rua Thomas Gonzaga. Não há informações de feridos.

Segundo a Polícia, os ataques aconteceram após o grupo retornar do sepultamento do traficante. Um ônibus da empresa Praia Grande foi incendiado e outro apedrejado em uma série de ações criminosas na tarde deste sábado (20) no bairro Valéria, em Salvador. A polícia investiga se os ataques estão relacionados ao tráfico de drogas na região.

 onibus

Segundo testemunhas, o ônibus foi cercado por um grupo de criminosos que ameaçava atear fogo ao veículo por volta das 15h30. Eles ordenaram que os passageiros saíssem do coletivo, que foi incendiado. Não há informações de passageiros feridos. No fundo do ônibus, os criminosos picharam ‘luto’, em referência à morte de um integrante da facção.

O grupo ainda tentou atear fogo a outro ônibus da empresa Modelo. Os criminosos chegaram a despejar gasolina e iniciar o incêndio, que foi controlado. O veículo foi apedrejado e teve as vidraças quebradas. Tiros foram disparados.

O fogo atingiu ainda a fiação elétrica e um poste. O fornecimento de energia elétrica foi interrompido em algumas ruas do bairro. Segundo a Central de Polícia, uma equipe da Coelba foi enviada ao local para restabelecer o fornecimento. Porém, ao chegar ao local, a equipe da Coelba foi impedida por um grupo de chegar ao local do incêndio.

 RTEmagicC_1bb96db4ba.jpg

Equipes da Polícia Militar foram enviadas ao local para garantir a segurança dos moradores. Não há informações de presos. As lojas do comércio local foram fechadas e os moradores deixaram as ruas.

Compartilhar