Concessionárias demitem seis mil trabalhadores neste ano na Bahia

A queda de 20% nas vendas de veículos desde 2014 provocou a demissão de seis mil pessoas em concessionárias baianas até agora neste ano, segundo o Sindicato das Concessionárias e Distribuidores de Veículos do Estado da Bahia (Sincodivba). A entidade informa que as empresas dispensam, em média, 35% de seus quadros.

patio-da-volkswagen-em-taubate-sp-1416585901385_615x300

O presidente do Sincodivba, Raimundo Valeriano, avalia, que nem as vendas de fim de ano devem aquecer o setor. O ano de 2015 deve acabar com um acumulado de oito mil demissões. Em Salvador, um dos casos mais graves é o fechamento de três concessionárias de um mesmo grupo – a Americar, Tratocar e Samurai – que provocou cerca de 100 demissões.

“É tanta demissão que o sindicato não está tendo condição de fazer as homologações nos prazos normais previstos”, disse o presidente do Sindicato dos Empregados em Administradoras de Consórcio e Vendedores de Consórcio, Empregados e Vendedores em Concessionárias de Veículos, Distribuidores de Veículos e Congêneres da Bahia (Sindcon-BA), Jorge Fonseca.

Compartilhar