Comandos de companhias da PM são substituídos em 32 cidades

A Secretaria da Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP/BA) publicou ontem, no Diário Oficial do Estado, a exoneração e nomeação de comandantes, subcomandantes e coordenadores da Polícia Militar da Bahia em 32 municípios, incluindo Salvador, além de delegados e outros cargos da Polícia Civil.  As mudanças ocorrem  três meses após o coronel Anselmo Alves Brandão assumir o Comando-Geral da Polícia Militar do Estado da Bahia.

 

Em Salvador, foram substituídos o comando das Companhias Independentes de Polícia Militar  (CIPM) em Brotas (26ª CIPM), Pau da Lima (47ª CIPM) e Cosme de Farias (58ª CIPM), além do Batalhão de Polícia de Guardas, na Mata Escura. Diretores  dos colégios da PM, da capital e interior,  também foram trocados.

Em nota, a instituição afirmou que a administração promove regularmente exonerações e nomeações, como uma dinâmica natural do serviço público. As trocas de comando ocorreram ainda em Feira de Santana, Vitória da Conquista e Lauro de Freitas, além das companhias especializadas da  Caatinga,  Cerrado e Cacaueira. Já na Polícia Civil, foram relocados delegados para cargos no recém-criado  Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), cujo objetivo é combater o tráfico de drogas e crimes contra a vida e o patrimônio.

Também houve remanejamento de cargos  dentro da estrutura do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Procurada pelo CORREIO, a assessoria da Polícia Civil disse que mais mudanças devem ser publicadas nos próximos dias. Ainda de acordo com a assessoria, há um mês, 80% da diretoria da Polícia Civil foi trocada, e, portanto, a substituição é natural. Já a Secretaria da Segurança Pública afirmou que as mudanças são uma forma de oxigenar as estruturas.

Compartilhar