Tarifas do ferry-boat vão aumentar a partir de segunda-feira (2); veja valores

Novos valores foram divulgados na edição do Diário Oficial do Estado deste sábado (31)

As tarifas de embarque para a travessia de pedestres e veículos entre Salvador e Itaparica, por meio do Sistema Ferry-Boat, serão reajustadas a partir de segunda-feira (2).

Os novos valores foram divulgados na edição do Diário Oficial do Estado deste sábado (31).

De acordo com a publicação a revisão tarifária refere-se ao valor global de contrato. Não haverá mudanças para as tarifas de pedestres e carro de mão aos finais de semana e para as tarifas de moto em dias úteis.

O embarque de pedestres passa a custar R$ 5,10 em dias úteis, não havendo reajuste aos finais de semana e feriados, que continuam com a tarifa de R$ 6,70.

Já o embarque de veículos pequenos passa a custar R$ 45,70 em dias úteis e R$ 64,70 aos finais de semana e feriados. A adequação tarifária para veículos grandes, ônibus, caminhões simples e truncado e jamanta é inferior a 1,8%. O último reajuste concedido a concessionária ocorreu em 2017, segundo o governo do estado.

Confira os novos valores:

Dias úteis   Finais de semana e feriados
Passageiro de R$ 5,00 para R$ 5,10 R$ 6,70 – não sofre reajuste
Automóvel pequeno de R$ 45,00 para R$ 45,70     de R$ 63,00 para R$ 64,70
Automóvel grande de R$ 58,00 para R$ 58,40 de R$ 81,00 para R$ 82,50
Motocicleta de R$ 19,00 – não sofre reajuste de R$ 26,00 para R$ 26,60

O Sistema Ferry-Boat opera atualmente com sete embarcações, que realizam a travessia entre a capital e a ilha de segunda a sábado, das 5h às 23h30, e aos domingos, das 6h às 23h30.

De acordo com o governo do estado, nos últimos anos, sob gestão da empresa concessionária Internacional Travessias Salvador, aproximadamente R$ 49 milhões foram investidos em obras, docagens/reformas, tecnologia do sistema e demais melhorias. As embarcações passam por reformadas periodicamente, com a docagem dos barcos para a realização de reparos no casco, cabines, pintura e reparação elétrica e hidráulica. Neste ano, os ferries Zumbi dos Palmares e Rio Paraguaçu passaram por ampla reforma.

Compartilhar