Os fatos demonstraram que o MBL criou factóide contra mim e o secretário Alberto Pimentel”, diz a Professora Dayane Pimentel

Para a parlamentar, a única coisa que o MBL conseguiu com as mentiras que vem espalhando foi esvaziar a movimentação a favor de Sérgio Moro e da Lava Jato.

“A verdade sempre vem à tona e ficou provado que o Movimento Brasil Livre na Bahia criou um factóide para atingir a mim e ao secretário Alberto Pimentel. Precisaram desmontar um minitrio para que pudesse passar pela estrututa montada no Farol da Barra para a Fan Fest da Copa América. Será que ali passaria um trio?”, questionou a deputada deferal e presidente do PSL na Bahia, Professora Dayane Pimentel.

Para a parlamentar, a única coisa que o MBL conseguiu com as mentiras que vem espalhando foi esvaziar a movimentação a favor de Sérgio Moro e da Lava Jato. “Não houve proibição à manifestação, e a nota enviada à imprensa pela Prefeitura de Salvador demonstrou que não houve ingerência política, mas uma decisão técnica para que não houvesse ali um trio. O MBL só conseguiu diminuir a manifestação. No dia 26 de maio, quando eles não participaram, foram mais de 50 mil pessoas na Barra”, comparou a deputada.

A líder bolsonarista na Bahia também questionou o objetivo do MBL na manifestação de hoje. “Qual foi o objetivo do MBL? Apoiar Moro e a Lava Jato ou conseguir um pretexto para atacar a mim e ao secretário Alberto Pimentel? Estive com Moro há poucas semanas e ele me disse que virá à Bahia em breve”, disse a Professora Dayane.

Compartilhar