Homem é espancado por traficantes após se recusar vender drogas em Brotas

A vítima usava tornozeleira eletrônica por condenação de roubo

Um homem identificado como Marcelo Santos de Jesus, de 31 anos, morador do Engenho Velho de Brotas, sofreu uma tentativa de homicídio por volta das 22h30 da noite de quarta-feira (26). Ele usava uma tornozeleira eletrônica por condenação em um processo de roubo.

A vítima foi socorrida por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para o Hospital Geral do Estado (HGE), onde encontra-se respirando com ajuda de aparelhos.

De acordo com o boletim de ocorrência do posto policial do HGE, a Marcelo foi vítima de espancamento por pelo menos dez suspeitos. Ainda segundo o boletim, um dos possíveis suspeitos do crime é conhecido na região como Victor.

A ocorrência diz ainda que o motivo da ação dos criminosos não foi esclarecido pelas testemunhas, mas que, em depoimento, a esposa de Marcelo, Emile Vitória do Santos, alegou que o motivo do crime teria sido porque seu companheiro se recusou a vender drogas no bairro.

Em nota, a Policia Militar informou que a 26ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM-Brotas) somente foi informada sobre o caso pelo posto policial do HGE.

Também através de nota, a Policia Civil afirmou que o caso será encaminhado para a 6ª Delegacia (Brotas), que ficará responsável pela investigação, e que os autores ainda não foram identificados.

Compartilhar