Após insatisfação do PSC, Neto deve conversar com partido nos próximos dias

Legenda perdeu a 2ª vice-liderança do governo na Câmara de Vereadores de Salvador e deixou bloco que formava com PSDB na Alba

Por Matheus Morais

Após o PSC, comandado na Bahia pelo ex-deputado Heber Santana, deixar o bloco que formava com o PSDB na Assembleia Legislativa, e perder a 2ª vice-liderança do governo na Câmara Municipal, o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), vai conversar com a direção da legenda nos próximos dias.

O partido anda insatisfeito com a base governista e o estopim no descontentamento foi a saída do vereador Ricardo Almeida da 2ª vice-liderança, dando espaço para o emedebista Alfredo Mangueira. A decisão foi anunciada pelo líder do governo na Câmara, Paulo Magalhães Jr. (PV).

Já na Assembleia, apesar de não deixar a oposição, o partido pegou os parlamentares de surpresa ao abandonar o bloco que formava com o PSDB, liderado pelo tucano Marcell Moraes.

Segundo o site bahia.ba, Heber Santana se queixou da falta de diálogo com o prefeito e afirmou que aguardava uma segunda reunião com o prefeito, que havia prometido o encontro para o final de 2018, mas não cumpriu a promessa.

Nos bastidores, o partido já traça novas metas e articula seu futuro, de olho nas eleições de 2020.

Compartilhar