Fim de semana promete ser de instabilidade em Salvador

Não há nenhum alerta para que banhistas e marinheiros evitem o mar

Sol e chuva, casamento de viúva. O provérbio dá a cara do que deve ser o fim de semana em Salvador, cheio de instabilidade. Quem contou os dias para encarar uma praia, vai precisar contar com a sorte. A previsão é que o sábado (6) e o domingo (7) tenham pancadas de chuva, com momentos em que o sol vai dar as caras.

De qualquer forma, é bom estar preparado, porque de acordo com a Defesa Civil (Codesal), o tempo deverá ficar nublado a parcialmente nublado com pancadas de chuvas fracas a moderadas, a qualquer hora do dia. O órgão informou, através da sua assessoria de comunicação, que há risco de alagamentos e deslizamentos de terra, segundo análise de risco climático do Centro de Monitoramento e Alerta da Defesa Civil de Salvador (Cemadec).

Segundo o subcoordenador do Cemadec, Ricardo Rodrigues, há a presença de um Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN) próximo à costa leste do Nordeste. Apesar do nome causar espanto, não há necessidade para pânico.

De acordo com a meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) em Salvador, Claudia Valéria, não há risco algum para a população.

“É só o nome técnico. Basicamente significa que, durante fim de semana, vai ficar um clima parecido com o que temos observado. Com períodos que oscilam entre pancadas de chuva e com abertura do tempo”, resume.

Essa instabilidade se deve ao Distúrbio de Leste (DOL), que deve atingir a cidade até julho. Basicamente, é uma condição que faz com que o tempo fique bastante instável na capital baiana.

A Capitania dos Portos informou que, por enquanto, não há nenhum alerta para que banhistas e marinheiros evitem o mar.

Compartilhar