Operação da PF contra desvio de recursos em SE cumpre mandado em Salvador

Não houve prisões relacionadas à operação, nesta quinta-feira (4)

A Polícia Federal desencadeou, nesta quinta-feira (4), novas etapas da Operação Acesso Negado, a fim de desarticular uma organização criminosa responsável por desvio de recursos públicos em municípios de Frei Paulo, Macambira e Poço Redondo, no estado de Sergipe.

Os policiais estiveram nos municípios de Aracaju, Poço Redondo, Frei Paulo, Macambira, Campo do Brito, em Sergipe, Salvador (BA) e Petrolina (PE). Não houve prisões e apenas foram cumpridos mandados de busca e apreensão.

Os policiais cumprem 27 mandados de busca e apreensão expedidos pela 6ª Vara Federal da Subseção Judiciária de Itabaiana (SE), abrangendo Sergipe, Bahia e Pernambuco. O alvo das investigações são as fraudes em licitações no ano de 2015.

As novas fases da operação apuram irregularidades na contratação de uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) denominada Instituto Sócio Educacional Solidariedade (ISES).

Compartilhar