Idoso atacado por três cães da raça pitbull morre no HGE

Durante o ataque, ele perdeu os dois braços e as orelhas

Matéria especial para o dia 10 de Abril de 2015, quando o HGE, Hospital Geral do Estado completa 25 anos.
Fotos: Mateus Pereira/GOVBA

O idoso José Valter Bispo Damasceno, 69 anos, que estava internado no Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador, após ter sido mordido por três cães na raça pitbull na cidade de Alagoinhas, região Nordeste do estado, morreu às 20h de terça-feira (19), na unidade de saúde. Durante o ataque, ele perdeu os dois braços e as orelhas.

A vítima foi atacada pelos animais no dia 8 de fevereiro, enquanto caminhava por uma propriedade privada, localizada no bairro 2 de Julho. Ele pretendia acessar um rio onde iria pescar.

O idoso estava internado na Unidade de Terapia Intensiva 2 (UTI) do HGE desde a segunda-feira (18), quando foi transferido de um hospital de Alagoinhas. O quadro de saúde dele, segundo os médicos, era grave.

No boletim de ocorrência registrado no Posto da Polícia Civil do HGE, o idoso deu entrada na UTI 2 com os dois braços e as duas orelhas amputadas, além de vários ferimentos no rosto e na cabeça.

Em depoimento dado a policiais civis do Posto da Polícia Civil, um neto da vítima, que a acompanhava no hospital, disse que para acessar o rio, que fica em uma área pública, era preciso caminhar pela propriedade privada. Foi o que o avô resolveu fazer sem imaginar que seria atacado pelos cães.

O dono dos animais, ainda segundo o depoimento do neto, conhecido como Fininho, prestou socorro a vítima logo após o ataque.

Compartilhar