Paróquia da Lapinha inicia celebrações para Festa de Reis nesta quarta

Até a próxima sexta (4) acontece o tríduo

A comunidade da Paróquia Nossa Senhora da Lapinha inicia, nesta quarta-feira (2), as comemorações pela Festa de Reis. Até a próxima sexta (4) acontece o tríduo, e, em seguida, uma quermesse.

No sábado (5), haverá programação especial, com uma missa solene às 18h, e às 19h, uma bênção às barracas e queima das palhas do presépio. Em seguida acontece o desfile dos Ternos de Reis, que sai da matriz, passa pela Soledae e retorna à igreja, onde vai aguardar os Ternos de outras paróquias de Salvador.

No domingo (6), quando é celebrado o Dia de Reis, haverá alvorada às 6h e, em seguida, um café da manhã com a comunidade. Já às 7h30 será celebrada a Missa em Ação de Graças pelos 27 anos do Terno Anunciação e pelo Grupo de Oração Terço dos Homens (GOTH’s).

Às 11h o Grupo de Jovens Anunciação realizará uma feijoada. Para encerrar os festejos, às 18h será celebrada a missa solene, presidida pelo pároco, padre Edílson Bispo Conceição.

Festa de Reis
O “Dia de Reis”, ou “Dia dos Santos Reis”, comemorado em 6 de janeiro, tem origem na tradição católica que lembra o dia que Jesus Cristo, recém-nascido, recebeu a visita de três Reis Magos: Belchior, Gaspar e Baltazar, vindos do Oriente, guiados por uma estrela. Os três Reis Magos levaram a Jesus recém-nascido ouro, incenso e mirra, que representam as três dimensões de Cristo: a realeza, a divindade e a humanidade (o óleo da mirra servia para embalsamar os mortos). Tais presentes simbolizam, ainda, o futuro da missão de Jesus.

A intenção dos evangelistas ao mostrar os magos vindos do Oriente foi ensinar que o Cristo veio não apenas para o povo de Israel, mas para todos os povos e nações do mundo. A festa popular – também conhecida como Folia de Reis – foi trazida ao Brasil pelos colonizadores portugueses e até os dias atuais é tradição em regiões como o Nordeste, São Paulo e Minas Gerais.

Compartilhar