Trabalhadores acusam direção do Red River de não pagar rescisão; direção nega

Nesta quarta-feira (25), vários ex-trabalhadores do Red River Café, localizado no bairro do Rio Vermelho, em Salvador, entraram em contato com a reportagem, afirmando que após muitas demissões feitas pela direção do estabelecimento eles ainda não receberam as rescisões.

001 (1)

“É uma falta de consideração com seu colaboradores, que foram demitido no dia 09 de fevereiro de 2015 e que ate hoje não receberão nada. Sendo que desde quando uma empresa decide fazer uma demissão ela esta ciente que devem liberar as rescisões dos seus ex-funcionários”, diz um dos ex-trabalhadores.

Ainda de acordo com a denúncia, a direção do Red River não estaria dando retorno de quando o pagamento vai acontecer. “A gente foi procurar saber dos nossos direitos, e eles falam simplesmente que não têm dinheiro. E agora como ficam os pais e mães de família que foram pegos de surpresa? como vão fazer para pagar suas contas do mês?”, questiona.

Por meio de sua assessoria a direção do estabelecimento afirmou que em função da conjuntura econômica, o Red River reduziu recentemente o quadro fixo de colaboradores. Ainda de acordo com a assessoria, todos os salários foram pagos, nas datas legais, e as rescisões serão pagas, de acordo com os cálculos realizados, sem qualquer tipo de prejuízo aos trabalhadores, como sempre foi feito pela empresa ao longo de sua história.

Compartilhar