Websérie baiana convida famosos para cozinhar pratos típicos em Salvador

Projeto Cozinha Raiz fomenta o turismo gastronômico na cidade

Quem desembarca em Salvador, certamente, não está apenas interessado na arquitetura e praias da cidade. O turista que chega à capital baiana também procura viver uma experiência gastronômica, saboreando o que há de melhor nesta terra. Agora, ele vai poder acompanhar como alguns dos pratos mais conhecidos são feitos – e por quem não costuma estar na cozinha.

Nesta terça-feira (30), foi ao ar no canal do YouTube Casa Salvador o primeiro episódio da websérie Desafio Cozinha Raiz, que promove a culinária local para fazer com que aqueles que já passaram por aqui revivam os sabores da cidade – mas, sobretudo, para conquistar novos visitantes pelo estômago, ou pelos olhos.

A websérie funciona assim: a cada episódio, um artista ou um influenciador digital é convidado por um chef de cozinha para fazer uma visita ao restaurante. Durante a conversa, os convidados descobrem que precisam preparar o próprio prato. Eles saem  com o desafio de bater perna pela cidade em busca dos ingredientes. No final, sob a avaliação do chef, o convidado fica sabendo se leva jeito na cozinha – ou não.

Projeto
A ideia, no final das contas, não é testar os dotes culinários dos famosos, mas fazer com que pessoas de todo o mundo possam conhecer as particularidades da culinária local, se sentindo convidadas a visitar a cidade.

Cláudio Tinoco, secretário municipal de Cultura e Turismo (Secult), disse que a websérie é fruto de uma estratégia de promoção da cidade. A ideia surgiu logo após uma pesquisa, que constatou que um dos motivos da vinda dos turistas à cidade é pelos seus sabores.

“Quando fizemos pesquisas que nos ajudaram a traçar estratégias de promoção da cidade, a gente identificou que quatro fatores contribuíam para o turista escolher Salvador como destino:  sol/praia, história/cultura, náutica e sobretudo a culinária. Nós elegemos esses quatro fatores, entre vários outros, para tratar de forma prioritária”, explicou Tinoco, nesta terça (30), durante o lançamento do primeiro episódio.

A ideia saiu do papel com o incentivo da prefeitura por meio do programa Salvador 360. Ela é executada na Casa Salvador, um espaço para youtubers que funciona na Barra e é gerido pela California Media House.

O prefeito ACM Neto disse que a intenção do projeto audiovisual é de tornar a cidade ainda mais atrativa: “Podemos produzir algo que se espalha pelo planeta e o nosso objetivo é justamente esse: promover a nossa cidade e ter mais um elemento para divulgar Salvador”.

Prefeito ACM Neto e o secretário Claudio Tinoco lançaram websérie nesta terça-feira (30) com convidados
(Foto: Evandro Veiga)

Primeiro episódio
No primeiro episódio, o apresentador carioca Gominho desembarca em Salvador a convite do cantor da banda Psirico, Márcio Vitor. No restaurante do chef Beto Pimentel, o Paraíso Tropical, os dois ficam sabendo da missão de preparar um Dandá de Camarão. Gominho além de ir para a cozinha, precisa antes bater perna na Feira de São Joaquim atrás dos ingredientes necessários para dar sabor ao quitute.

Serão quatro duplas e cada desafio é dividido em quatro episódios, que serão veiculados às segundas, quartas, sextas e sábados. A cada segunda-feira, começará um novo desafio. Acompanhando a série, haverá uma playlist feita sob medida chamada “Cozinha Raiz”, criada no Spotify, no perfil Visit Salvador da Bahia. A ideia é traduzir sensações, ingredientes e receitas em músicas.

O chefe anfitrião do primeiro episódio, Beto Pimentel, disse que essa é uma chance de transformar a cidade em uma vitrine. No seu restaurante, conta ele, 50% dos seus clientes são turistas que chegam por lá, sobretudo, depois de serem atiçados pelos comentários de que a Bahia apresenta uma culinária de sabores únicos. “Nenhuma cozinha parece com a baiana. O abará, é abará. O que lembra o sabor do vatapá? Nada! Vatapá é vatapá. Só nós temos isso”, disse.

Compartilhar