Quatro toneladas de maconha são localizadas com ajuda de drone; droga foi incinerada

Essa foi a segunda grande apreensão de maconha em Gandu nesse mês

Quatro toneladas de maconha foram localizadas pela polícia na cidade Gandu, no Sul da Bahia. De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP), as polícias Civil e Militar usaram drone para localizar as quatro plantações, com pouco mais de 10 mil pés da droga,  na tarde de quarta-feira (24). Apontado como responsável pela plantação, Luciano Santos Marcílio foi preso.

Ainda segundo a SSP, os policiais utilizaram o drone para encontrar a droga após obter informações de que havia plantações de maconha na localidade da Serra do Papuã, região limite entre as cidades de Gandu e Ibirapitanga.

 Após caminhada pela mata, as equipes da 60ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Gandu) e da Delegacia Territorial de Gandu  localizaram as plantações, que foram erradicadas e, em seguida, incinerada.

Polícia chegou até a plantação com ajuda de drone; droga foi incinerada
(Foto: Divulgação/SSP)

A polícia continua as buscas por outras roças de maconha e traficantes na região. Essa foi a segunda grande apreensão neste mês no município. No dia 3 de outubro, cinco mil pés de maconha plantados na zona rural de Gandu foram localizados e destruídos pela polícia.

Na ocasião, a Secretaria de Segurança Pública informou que equipes da 60ª CIPM também localizaram a plantação de droga com a ajuda de um drone. Na área foram também achados 50 quilos de maconha já colhidos. Todo o material foi queimado. Ainda de acordo com a SSP, as buscas começaram após a polícia receberem uma denúncia anônima.

Compartilhar