Alexandre Aleluia apresenta requerimento para multar consórcio de ônibus por adesivos em apoio ao PT

O líder do Democratas na Câmara Municipal de Salvador, vereador Alexandre Aleluia, oficializou, nesta quarta-feira (24), um pedido à Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob) para que seja aplicada uma multa em cima das empresas responsáveis pela operação do sistema de transporte público dos ônibus que circulam na capital baiana.

A iniciativa do vereador ocorreu após denúncias de passageiros alegando que sindicatos estão obrigando o uso de adesivos em apoio ao Partido dos Trabalhadores (PT) no para-brisa dos veículos.

“O PT não é dono da cidade e concessão pública é pra ser respeitada. As empresas não podem ser coniventes com crime eleitoral, seja ele praticado por quem quer que seja. O transporte público é patrimônio de todos os soteropolitanos e, não, do governador”, disse Alexandre Aleluia.

“O PT está zombando da Justiça neste segundo turno. Está praticando fraude atrás de fraude, sequestrando o estado da Bahia na tentativa de reverter a derrota do seu candidato”, completou.

De acordo com o ofício do vereador, baseado no artigo 37 da Lei nº 9.504, trata-se de um caso de propaganda irregular. Após a notificação e comprovação, a multa pode chegar no valor de R$ 2 mil a R$ 8 mil.

Compartilhar