Desempenho de J. Ronaldo foi o segundo pior dos últimos 30 anos para o DEM na Bahia

Índice que Zé Ronaldo conseguiu nas urnas só é maior que o alcançado por Paulo Souto no pleito de 2010

O candidato do DEM a governo da Bahia, José Ronaldo, conseguiu 22,26% dos votos válidos neste domingo (07). Isso representa pouco mais de um milhão e meio de votos para o demista.

O desempenho do ex-prefeito de Feira de Santana, no entanto, foi o segundo pior da história para o seu partido em terras baianas.

O índice que Zé Ronaldo conseguiu nas urnas só é maior que o alcançado por Paulo Souto no pleito de 2010, quando o ex-governador tentava retornar ao Palácio de Ondina, mas teve somente 16,09% dos votos. Naquela eleição, Jaques Wagner (PT) foi reeleito com 63,38%.

Zé Ronaldo teve desempenho pior, no entanto, que o próprio Paulo Souto em 2006 (43,03%) e 2014 (37,39%), mesmo quando ele foi derrotado nas duas oportunidades, e em 1994 e 2002, quando Souto venceu a eleição baiana. Nas demais eleições, o DEM, antigo PFL, saiu vitorioso.

Compartilhar