Travesti é detida após tentar matar colega de ponto em Conquista

A tentativa de homicídio ocorreu no dia 28 de julho deste ano, enquanto a vítima se prostituía na avenida Integração, na cidade de Vitoria da Conquista (a 521 quilômetros de Salvador).

Wiliam Gomes Silva, conhecido como “Priscila Cavalona”, de 24 anos, foi detido na manhã desta sexta-feira, 28, após ser apontado como autor da tentativa de homicídio contra uma outra travesti identificada como Alisson Matos Cangagu, a “Talita”.

A tentativa de homicídio ocorreu no dia 28 de julho deste ano, enquanto a vítima se prostituía na avenida Integração, na cidade de Vitoria da Conquista (a 521 quilômetros de Salvador).

Priscila teria utilizado uma faca para tentar assassinar a colega. Um dos golpes acabou arrancando violentamente uma das próteses de silicone de Talita, que foi socorrida por uma outra travesti e encaminhada ao atendimento médico.

Segundo o blog Leo Santos, a vítima e outras travestis que utilizam a avenida para se prostituir alegam que o crime tenha sido porque Talita se recusou a pagar uma taxa semanal cobrada pela suspeita.

Após o crime, Priscila mudou de endereço, onde supostamente funciona um prostibulo, e passou a morar com o namorado no bairro do Kadija. Ela também é suspeita de injetar silicone industrial em varias travestis da cidade.

Compartilhar