Pedra na vesícula afasta Coronel da campanha ao Senado

Candidato vai se operar no Hospital Aliança e deve ficar fora por uma semana

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), e candidato ao senado Angelo Coronel (PSD), vai se afastar temporariamente da campanha.

Segundo a assessoria do PSD, Coronel foi diagnosticado nesta quarta-feira (12) com colecistite aguda, mais conhecida como pedra na vesícula. O parlamentar está internado no Hospital Aliança, em Salvador, onde já é operado.

Ainda de acordo com a sigla, o senador e presidente estadual do partido, Otto Alencar vai assumir as rédeas da campanha no tempo em que o postulante estiver afastado. Estima-se que ele fique fora, pelo menos, por uma semana.

Compartilhar