MBL Bahia inicia campanha em redes sociais contra Lúcio Vieira Lima: “Chega!”

Conforme o líder do movimento, Lúcio não pode ser reeleito

Com memes e cards nas redes sociais, o Movimento Brasil Livre na Bahia, através do seu coordenador, Siqueira Júnior, relatou ao site INFORMA1 que estão trabalhando contra a candidatura do deputado federal, Lúcio Vieira Lima, que concorre a reeleição.

Conforme o líder do movimento, Lúcio não pode ser reeleito, “Chega! O MBL na Bahia quer mostrar para o povo quem são os políticos suspeitos de corrupção na Bahia, como Lúcio que quer continuar como deputado para manter o foro privilegiado”, afirmou o coordenador.

Também segundo Siqueira, Lúcio está envolvido na situação das malas de Geddel, “Existem vários indícios, como digitais de Lúcio nas malas do bunker de Geddel, a população precisa entender quem são estes políticos, e não podemos deixar eles se elegerem”, explicou Siqueira. Do mesmo modo, o coordenador afirmou que outros políticos, como Wagner também serão alvos do MBL, “Wagner envolvido no superfaturamento das obras da Fonte Nova, também será nosso alvo”, finalizou.

Compartilhar