Arenoso: motorista de micro-ônibus bate veículo e poste fica pendurado

Nos dois sentidos da via, só estão transitando motos e carros pequenos, os ônibus não estão circulando

Um micro-ônibus que faz a linha Lapa/Santo Inácio bateu em um poste na Rua Manoel Rufino por volta das 3h desta quinta-feira (2). Apesar do acidente, ninguém ficou ferido e o fornecimento de energia no local não ficou comprometido.

De acordo com um funcionário da empresa Integra, o ônibus fazia a última viagem da noite e estava retornando para a Estação da Lapa. O micro-ônibus bateu a traseira no poste fazendo com que ele ficasse inclinado sobre a via. Parte dele ficou destruído.

O acidente aconteceu no lado direito da rua. Agentes da Transalvador estão no local para tentar organizar o trânsito que ficou compremetido nos dois sentidos. O motorista, que não teve o nome divulgado, não teve ferimentos.

Foto: Mauro Akin Nassor

Cerca de 10 funcionários da Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba) também estão no local para fazer a remoção do poste quebrado. Um novo já está no local para substituição.

Segundo um dos técnicos da Coelba, na implantação do novo equipamento será feita uma pausa no fornecimento de energia da rua para não comprometer o procedimento.

O comerciante Adelson Pereira, 49 anos, conta que o susto só não foi maior por conta do horário da batida. Nesse horário, conta ele, poucas pessoas transitam por ali.

“Foi de manhã  muito cedo e só fiquei sabendo quando eu cheguei aqui horas depois. Mas, de qualquer maneira, é preocupante”, disse.

Nos dois sentidos da via, só estão transitando motos e carros pequenos, os ônibus não estão circulando. De acordo com um agente da Transalvador, que está no local organizando o trânsito, a interdição da rua deve continuar até que o novo equipamento seja colocado. O ponto mais próximo fica na entrada do bairro, cerca de 300 metros.

A doméstica Magda Gomes, 49 anos, por exemplo, vai ter que pagar um transporte alternativo para chegar até o trabalho, no bairro da Pituba.

“Estou atrasada uns 10 minutos. Estava em um ponto aqui do lado e não passava nada. Já tentei mandar uma foto pro meu chefe mas a internet não ajudou, agora vou ter ligar”, conta.

Compartilhar