Monumentos ganham iluminação especial para lembrar importância do teste do pezinho

A Apae Salvador, instituição credenciada pelo Ministério da Saúde como o único Serviço de Referência em Triagem Neonatal na Bahia, lança a campanha do Junho Lilás para chamar a atenção sobre a importância do teste do pezinho. Nesta quarta-feira (6), Dia Nacional do Teste do Pezinho, três monumentos de Salvador – a Arena Fonte Nova, a Câmara Municipal e o Farol da Barra – entram na campanha e ganham iluminação especial para marcar a data.

O teste do pezinho permite a detecção de sete doenças pelo SUS com apenas algumas gotinhas de sangue. A maioria das doenças investigadas pelo teste são assintomáticas no período neonatal (0 a 28 dias de vida) e podem levar a deficiência mental ou afetar gravemente a saúde da criança.

Tratadas a tempo, a chance de que a doença não leve a sequelas é muito grande, melhorando assim a qualidade de vida dos casos confirmados e tratados.

Vale lembrar que além de colher o sangue para fazer os exames, os pais devem pegar o laudo com os resultados e apresentá-lo ao pediatra ou enfermeira do posto. Em 2017, mais de 178 mil crianças foram triadas em toda a Bahia.

Quando e onde fazer?
Além do desafio de fazer com que todos os bebês façam o teste do pezinho, a campanha Junho Lilás alerta para a importância de esse exame ser feito no período ideal, ou seja, entre o 3º ao 5º dia após o nascimento.

Fenilcetonúria, Hipotireoidismo Congênito, Doenças Falciformes e outras Hemoglobinopatias, Fibrose Cística, Hiperplasia Adrenal Congênita, Deficiência de Biotinidase e Aminoacidopatias são as doenças detectadas pelo exame feito pelo SUS. Apenas 47% dos bebês de 2017 fizeram o exame no período ideal.

A coleta do Teste do Pezinho pode ser realizada pelo SUS em um dos 4 mil postos de saúde distribuídos em todo o Estado da Bahia ou na Apae Salvador (Alameda Verona, 32. Pituba).

Além das sete doenças cobertas pelo SUS, a Apae Salvador também realiza a triagem neonatal para demais doenças por convênio ou particular. A Apae realiza o exame dos bebês, a confirmação dos casos e o tratamento adequado quando existe alteração.

Compartilhar