Angelo Coronel diz que Coelba precisa acompanhar o desenvolvimento da Bahia ou deve ser reestatizada

Presidente da ALBA participou da Farmshow, em Luís Eduardo Magalhães

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia – ALBA, Angelo Coronel, defendeu, na manhã de hoje (04.06), na cerimônia oficial de abertura da 14ª edição da Bahia Farm Show 2018, em Luís Eduardo Magalhães, no oeste do Estado, como medida extrema, até a reestatização da Coelba. “A Coelba, que é a nossa distribuidora de energia, precisa acompanhar o desenvolvimento da Bahia. Muitos projetos industriais e de agronegócios, inclusive aqui no Oeste, estão paralisados por falta de energia elétrica. A espanhola Iberdrola, que controla a Neoenergia, precisa aportar mais investimentos, porque a qualidade dos serviços está muito a desejar. Conversei com o governador Rui Costa e vamos estudar até mesmo, como último recurso, reestatizar a Coelba”, declarou Coronel.

Para o presidente da ALBA, a proposta não é descabida: “Energia significa desenvolvimento. Ontem mesmo, a empresa estatal de energia da Itália, a Enel, comprou o controle acionário da Eletropaulo, em São Paulo. A Iberdrola, que é privada, perdeu a disputa. O que questiono é porque uma estatal dá certo na Itália e no Brasil tem que ser, pela cartilha neoliberal, obrigatoriamente ser privatizada? Energia elétrica, assim como petróleo, estão atrelados ao desenvolvimento e, por consequência, à nossa soberania”.

Ao participar da abertura da FarmShow, ao lado do governador Rui Costa e do ex-governador Jaques Wagner, Angelo Coronel disse que o Brasil precisa redefinir também o papel regulador das agências de energia e telefonia. “Além da energia, o Oeste baiano se ressente de mais investimentos em telefonia fixa e telefonia celular. Não é possível que a região que mais cresce no Brasil fique isolada do mundo, sem telefone nem internet. As operadoras de telefonia precisam acordar para os investimentos, porque somente a Bahia FarmShow, organizada pela Aiba, movimenta mais de R$ 1,5 bilhão em negócios”, diz o chefe do Legislativo.

Além de participar da segunda maior feira de agronegócios do país, Coronel também acompanhou o governador e o prefeito de Luís Eduardo Magalhães, Oziel Oliveira, na inauguração do Laboratório Municipal de Referência Regional de Luís Eduardo Magalhães, na Praça Arnaldo Horácio Ferreira, no bairro Mimoso do Oeste. No local, também foram entregues quatro viaturas para a Polícia Militar dos municípios de Barreiras, Formosa do Rio Preto e Luís Eduardo Magalhães.

Compartilhar