Ufba suspende aulas a partir de segunda (28) por conta da greve dos caminhoneiros

Calendário do semestre poderá ser revisto, diz reitor

A Universidade Federal da Bahia (Ufba) divulgou na manhã deste domingo (27) que haverá suspensão das aulas de graduação e pós-graduação a partir desta segunda-feira (28) em função da greve dos caminhoneiros que está no sétimo dia.

“A Reitoria da Universidade Federal da Bahia, diante do agravamento das condições de mobilidade urbana, mesmo com o possível arrefecimento da greve dos caminhoneiros, comunica que haverá suspensão das aulas de graduação e pós-graduação a partir desta segunda-feira (28). Permanecem em funcionamento atividades essenciais da instituição, voltadas para o atendimento da população e a manutenção da universidade, bem como outras atividades acadêmicas, em conformidade com planejamento de unidades e setores, que avaliarão as condições efetivas para sua operação”, afirmou o reitor João Carlos Salles.

A Reitoria, informou, em nota, em diálogo com dirigentes das unidades e representantes das categorias, acompanhará a evolução desse cenário, fazendo oportunamente novo comunicado à comunidade universitária.

“Enfim, normalizada a situação, a eventual necessidade de ajustes no calendário acadêmico será apreciada pelo Conselho Superior de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFBA”, destacou a Ufba.

Compartilhar