Após morte de suspeito, ônibus são queimados na região do Vale das Pedrinhas, em Salvador

Ítalo Pereira, conhecido como 'Rato', foi morto em confronto com policiais, na sexta-feira (6). Conforme sindicato, ônibus deixaram de circular na região.

Dois ônibus foram incendiados na região do Vale das Pedrinhas e um no bairro de Amaralina, em Salvador, na noite deste sábado (7).

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), a Polícia Civil investiga que os atos tenham relação com a morte do traficante de drogas Ítalo Alves de Jesus Pereira, conhecido como “Rato”, em confronto com policiais, na sexta-feira (6).

De acordo com Daniel Mota, diretor do Sindicato dos Rodoviários, os ônibus deixaram de circular no Vale das Pedrinhas depois da queima de veículos. Os coletivos devem circular até o Parque da Cidade na Avenida ACM, e a Rua do Canal, no Rio Vermelho.

Segundo a SSP, equipes do Pelotão Especial Tático Ostensivo (Peto) da 40ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Nordeste de Amaralina), das Rondas Especiais (Rondesp) Atlântico e do Batalhão de Choque reforçam o policiamento na região neste sábado.

Conforme a secretaria, Ítalo ameaçava moradores. Ele chegou a ser socorrido para o Hospital Geral do Estado (HGE), mas não resistiu. Com ele foi encontrada uma pistola calibre 380, munições e 50 porções de cocaína e maconha.

Ônibus queimado no bairro de Amaralina, em Salvador, neste sábado (7) (Foto: Tiago Brito/ TV Bahia)

Ônibus queimado no bairro de Amaralina, em Salvador, neste sábado (7) (Foto: Tiago Brito)

Material apreendido com suspeito morto após confronto (Foto: Divulgação/ SSP-BA)

Material apreendido com suspeito morto após confronto (Foto: Divulgação/ SSP-BA)

Compartilhar