Autorizadas obras de macrodrenagem nos rios Joanes e Ipitanga

Fundamentais para o abastecimento de água de Salvador e Lauro de Freitas, os rios Joanes e Ipitanga passarão por obras de macrodrenagem. O governador Rui Costa assinou, na manhã dessa terça-feira (3), ordem de serviço para início das intervenções, que vão contar com investimento de R$ 169 milhões, entre projeto executivo e obras físicas. O objetivo é reduzir as enchentes e alagamentos que acontecem durante os períodos de chuva, em Lauro de Freitas, onde ocorreu o evento.

“Essa obra vai cumprir duas funções. A prioritária é a de evitar alagamentos e evitar que pessoas percam suas vidas, suas casas, seus patrimônios em época de chuva. O outro objetivo é entregar ao município um parque linear com equipamentos de lazer, ciclovia, campo de futebol, quadra, parque infantil e aparelhos de ginástica. Então, além de serem urbanizados, esses locais vão oferecer lazer à comunidade”, explicou o governador.

Os trabalhos incluem a recuperação de nove canais de macrodrenagem, ao longo de cerca de 14 quilômetros, e a construção de seis reservatórios de amortecimento dotados de equipamentos urbanos e o aumento da capacidade de escoamento do rio Ipitanga, que abastece a capital baiana.

De acordo com a secretária de Desenvolvimento Urbano (Sedur), Jusmari Oliveira, as intervenções terão um impacto grande para o saneamento dos dois municípios. “São obras para resolver as inundações que acontecem nos períodos de chuvas e que afetam o dia a dia de quem mora em torno dos rios Ipitanga e Joanes. Além da drenagem e da construção dos seis diques, iremos implantar parques lineares, com ciclovias e equipamentos de integração e convivência dessas comunidades”, revelou.

A dona de casa Maria Dionísio, moradora da comunidade de Itinga, em Lauro de Freitas, comemorou a autorização para início das obra de recuperação dos rios. “É um transtorno quando chove, a gente fica ilhado sem ter como sair de nossas casas. Além disso, quando o rio transborda, atrai insetos e animais peçonhentos, prejudicando a vida de todo mundo que vive na comunidade”.

Além de Jusmari Oliveira, acompanharam o governador durante o evento de assinatura os secretários de Desenvolvimento Econômico (SDE), Jaques Wagner; do Meio Ambiente (Sema), Geraldo Reis; e da Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), Carlos Martins.

Compartilhar