Neto sugere que servidores comprem tênis para acompanhá-lo em inaugurações

Tenho que cumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal. Minha prioridade é manter as contas públicas.

Apesar do barulho feito por servidores municipais defronte ao Multicentro de Saúde, na rua Carlos Gomes, o prefeito ACM Neto não se intimidou. Sob os gritos de “prefeito, não queremos seu medo e sim, respeito”, os servidores ficaram a ver navios. Neto vistoriou cada sala do Multicentro e depois de 40 minutos foi embora sem falar com os manifestantes, que reivindicam, entre outras coisas, reajuste salarial.

“Não vou discutir com ninguém no meio da rua. Eles falaram que não iriam paralisar as atividades se mostrássemos as dificuldades de arrecadação. Nós mostramos e sugerimos que deveríamos sentar para conversar em novembro. Até lá, a economia pode ter dado sinal de melhoras e o impacto ser positivo na arrecadação. Tenho que cumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal. Minha prioridade é manter as contas públicas. Eu poderia dar o reajuste como ato eleitoreiro e não ter condições de pagar os salários e o 13º como já vem ocorrendo em estados e municípios”, contextualizou Neto.

O prefeito ainda sugeriu aos servidores que “comprem tênis novos para acompanhá-lo nas inaugurações até o fim do mês”.

Compartilhar